Fazer uma série

Como fazer uma série?

Prestação de Serviços

Hoje nós vamos mostrar pra vocês o que é necessário para fazer uma série. De fato, são tantos episódios, tantas situações…como é possível gerenciar uma série pra que ela seja feita com qualidade? Fique com a gente até o final deste artigo para aprender tudo sobre a produção de séries. Assim, quem sabe você não se interessa pelo ramo, não é verdade? Vamos lá!

Dessa maneira, eu desejo a você uma ótima e agradável leitura; vamos pro assunto.

Fazer uma série: tudo o que é necessário

Hoje em dia nós temos acesso a diversos tipos de séries em diversos tipos de plataformas. Contudo, caso você queira produzir a sua própria série, é necessário que você passe por alguns processos que podem ser complicados. Será que você tem boas ideias? Boas o suficiente pra se enquadrem no nível Netflix ou Disney+? Nós vamos ver!

Em primeiro lugar, você precisa pensar grande: será que a sua ideia é bastante coisa para ser desenrolada? Nesse sentido, a série é diferente dos filmes, porque a série precisa desenvolver com mais detalhes a história de muitos personagens. Entretanto, nos filmes nós não temos muito tempo. O piloto de uma série é a produção do primeiro episódio, o que vai dizer se é promissor ou não.

Assim, caso você comece a assistir um episódio e o nome do primeiro for “piloto”, agora você sabe o porquê. Esse é um teste. Desse modo, você precisa se aprofundar na história dos personagens como um todo e como eles se encaixam. É isso o que as séries fazem. Nos filmes nós precisamos ser objetivos, enquanto nas séries, nem tanto!

Sendo assim, tenha isso em mente: será que a minha ideia pode ser explorada mais a fundo para criação de várias temporadas? Se a resposta for assim, procure entender como ela pode ser explorada da melhor maneira possível. Ou seja, crie personagens e ambientes que possam ser fáceis para que haja um desenvolvimento pessoal entre os personagens e suas relações.

Agora que você já pensou sobre isso, produza o piloto com um roteiro muito bem escrito e arrebente a boca do balão! É possível que você tenha muito sucesso! Mas, enfim, não vamos pôr os carros na frente dos bois. Ainda existem outras etapas. Vamos conhecê-las!

Dúvidas e mais dúvidas

Em segundo lugar, ao fazer uma série, o que eu faço quando tenho dúvidas?! Bem, caso você tenha dúvidas quanto ao futuro da série, a dica é: foque no personagem. De fato, é um grande desafio criar um personagem que seja carismático e que possua uma história que possa ser explorada com mais dedicação. Contudo, esse não é o verdadeiro objetivo de um produtor.

É necessário construir uma história onde aqueles que assistem criem laços com esses personagens, mesmo que eles não sejam os “mocinhos”. Temos, por exemplo, Walter White, ou Heisenberg para os íntimos. Nesse sentido, todos os que já assistiram a série de sucesso Breaking Bad sabem como é contraditório torcer pelo mal. Ou seja, pelo personagem que se torna um vilão.

Mas é exatamente o que o desenvolvimento da história da vida de Walter White nos leva a fazer: criar laços com suas características e nos relacionarmos com ele de alguma maneira. Esse é o principal objetivo de quem quer fazer uma série! Claro que quando falamos de desenvolvimento de personagens, não necessariamente nos limitamos ao protagonista.

Existem muitos outros personagens secundários que são tão importantes quanto. Assim, Walter White foi só um exemplo para poder mostrar pra vocês como uma história deve ser feita. Se possível, assista Breaking Bad. Então, você vai conseguir entender esse sentimento que passo pra vocês!

Como desenvolver minha história

Primeiramente, entenda que não existe uma fórmula para que seu piloto seja aceito. Tudo vai depender da temática da sua série, dos atores e da sua criatividade. Dessa maneira, para poder estruturar uma história, você precisa criar um plano de fundo. Ou seja, o ambiente onde a maioria da série vai se passar. A partir daí as ideias vão fluir naturalmente!

Quando pensamos, por exemplo, em uma série com temática zumbi, logo nos vem na cabeça um mundo completamente aos pedaços, não é mesmo? Ou, quem sabe, uma série com temática de tráfico…o que nos vem à cabeça é ação intensa, um cenário de muita disputa e competitividade. Tudo isso tem que ser levado em consideração para que você possa construir sua história.

Sendo assim, invista em um bom roteiro. Ao fazer uma série, o roteiro precisa ser escrito com paixão. As ideias vão sair naturalmente dos papéis!