Entenda mais a fundo o conceito de oferta e demanda

Entenda mais a fundo o conceito de oferta e demanda

Marketing

Saiba como oferta e demanda impactam na variação de preços de produtos e investimentos

 

A lei de oferta e demanda é um dos conceitos mais antigos da economia. Esse conceito é importante para entender o preço de mercado, determinando por que produtos ficam mais caros ou mais baratos em algum período do ano. ou certo investimento se valorizou tanto no último mês.

 

Pode parecer complicado, mas é bem simples de entender esse conceito. Ter conhecimento sobre o assunto pode te ajudar a encontrar o melhor momento para comprar ou fazer estoque de produtos, fazer investimentos com assertividade e ainda garantir uma boa economia.

O que é oferta e demanda?

Oferta e demanda são forças que movem o mercado financeiro, determinando preços de produtos, serviços e aplicações. Para entender melhor, vamos apresentar as definições de cada termo abaixo:

Oferta

A oferta é uma máxima que diz que quando o preço de um bem aumenta, a quantidade desse bem também deve aumentar e vice-versa.

Demanda

A demanda estipula que conforme o preço de um bem aumenta, a sua demanda tende a diminuir e vice-versa.

Como funciona a lei da oferta e demanda?

Para entender a relação entre oferta e demanda é importante entender quem determina o preço e quem determina a busca por produtos no mercado.

 

O preço é definido pelos produtores. Um produtor de laranjas, por exemplo, define o valor da caixa de laranja para seus clientes. Dessa forma, se o dono de um hortifruti compra uma caixa de laranja e vende a dúzia no estabelecimento, ele estipula o valor com base no preço do produto e no seu percentual de lucro.

 

Já a demanda é definida pelo consumidor. Os consumidores que determinam quais são os produtos mais buscados do mercado. Dessa maneira, seguindo o exemplo acima, quanto mais pessoas compram laranjas, maior será a demanda deste produto.

 

O inverso também pode acontecer, se menos consumidores compram laranjas, a demanda diminui. Dessa maneira, se a demanda é mais alta que a oferta, o valor do produto tende a aumentar porque não tem para todo mundo. E quando a demanda é baixa, a oferta tende a baixar para que o produto não encalhe nas prateleiras.

Impactos da lei de oferta e demanda na economia

Vivemos sob a lei da oferta e demanda no nosso cotidiano, ela afeta os preços de produtos e serviços e nem percebemos isso. No início da pandemia de COVID-19, os preços de alguns alimentos básicos começaram a crescer devido às restrições de transporte e exportação.

 

Isso fez com que a demanda por produtos como o arroz, por exemplo, aumentasse bastante, já que as pessoas buscavam comprar em maior quantidade para fazer estoque do produto. A intenção era prevenir o desabastecimento e possíveis novos aumentos no preço.

 

Outro exemplo de oferta e demanda no cotidiano foi a greve dos caminhoneiros ocorrida em 2018. Nesse período, a produção agrícola estava a todo vapor, mas o transporte dos produtos feito por caminhões estava prejudicada.

 

Isso fez com que houvesse um desabastecimento em diversos mercados, hortifrutis, levando ao aumento no preço dos produtos, já que a sua oferta era muito baixa para a demanda.

Como a oferta e demanda impactam investimentos?

Os investimentos também são regidos pela lei de oferta e demanda. Isso é perceptível em alguns momentos! Em crises econômicas, por exemplo, acontece o que chamamos de “efeito manada”, quando investidores retiram capital de investimentos mais arriscados para aplicar em títulos mais seguros.

 

Nos Fundos Imobiliários, por exemplo, o valor da cota pode aumentar ou diminuir dependendo da vacância dos imóveis administrados. No mercado de ações, o “efeito manada” pode acontecer quando há uma forte demanda por ações de alguma companhia.

 

No mundo das criptomoedas, a lei da oferta e demanda determina a variação de preço. Em períodos de maior evidência no mercado, a demanda por criptomoedas específicas pode aumentar, o que faz com que o preço também suba. O inverso também acontece.

 

Em relação a investimentos, o ideal é que o investidor acompanhe as tendências de mercado, já que a oferta e a demanda também podem ser afetadas por fatores externos como conflitos, queda de mercado financeiro, entre outros.

 

Como vimos no texto, a oferta e a demanda regem o mercado financeiro. Entender sobre o assunto é essencial para encontrar as melhores oportunidades para fazer investimentos e consumir produtos e serviços.